¿CÓMO FUNCIONA EL PARLAMENTO JUVENIL DEL MERCOSUR EN BRASIL?

O PJM é ação desenvolvida por meio do projeto “O Ensino Médio que queremos”, o qual tem foco na abordagem, discussão e desenvolvimento de atividades a partir de temas de interesse dos estudantes, contribuindo para a formação humana integral, objetivo da Educação Básica e, consequentemente, para que se efetive a plena cidadania, direito de todo cidadão.

No Brasil, as ações do PJM são coordenadas pelo Ministério da Educação em parceria com as 27 Secretarias de Educação Estaduais e Distrital, estas possuem um representante da área do Ensino Médio para coordenação do projeto junto às escolas. O objetivo é que as atividades com as diferentes temáticas sejam incorporadas ao currículo em todas as escolas de Ensino Médio e, principalmente, nas que participam da execução do Programa Ensino Médio Inovador, que tem foco no redesenho dos currículos.

No Ministério da Educação, as ações do Parlamento Juvenil do MERCOSUL são responsabilidade da Secretaria de Educação Básica que por meio da Coordenação Geral de Ensino Médio e articulada à Assessoria Internacional da instituição viabilizam e coordenam as ações do Projeto em âmbito nacional.

Implementação do projeto Parlamento Juvenil do MERCOSUL

Nas escolas de Ensino Médio públicas, os jovens escolhem seus representantes locais, por meio de processo democrático e participativo. Para isso são realizados encontros com duração de pelo menos 3 (três) horas e a presença de no mínimo 15 (quinze) estudantes.

Participam jovens dentro da faixa etária de 14 a 17 anos, matriculados no 1º ou 2º ano do Ensino Médio regular de escola pública.

Espera-se que os estudantes demonstrem interesse ou estejam engajados em projetos sociais desenvolvidos no âmbito da escola ou da comunidade, assim como nos temas relativos à participação cidadã.

A fim de garantir a diversidade e a igualdade de gênero no grupo selecionado pelas Secretarias de Educação Estaduais, estabeleceu-se como critério considerar na indicação dos jovens para a seleção nacional:

  • 1 (um) jovem do sexo masculino,
  • 1 (uma) jovem do sexo feminino e,
  • 1 (um ou uma) jovem que represente a diversidade brasileira, ou seja, estudante negro, indígena, morador de comunidades populares, ou das áreas rurais ou pessoa com deficiência.

O processo de seleção

As escolas realizam atividades vinculadas ao projeto “O Ensino Médio que queremos” e indicam jovens para participar da seleção estadual, organizada pelas Secretarias de Educação. Na seleção estadual são escolhidos 3 (três) jovens que participarão da etapa nacional.

O Ministério da Educação organizão Encontro Nacional, no qual participam os 81 jovens selecionados na etapa estadual (3 de cada estado). Neste momento os jovens votam entre si e elegem um representante de cada estado e este participa das atividades do Parlamento Juvenil do MERCOSUL pelo período de 2 anos.

Seleção para o biênio 2010-2012

Para a escolha dos primeiros representantes do PJM, foram reunidos 98 alunos de escolas públicas de 24 estados e do Distrito Federal, de 14 a 16 de setembro de 2010.

Foram escolhidos representantes para 25 das 27 unidades federativas.

Data: 14 a 16 de setembro de 2010
Local: Brasília/DF
Representantes estaduais:

AC – Jeffrey da Silva Caetano
AL – TaianeTaíse dos Santos
AM – ZiporaNeres da Costa
AP – Jamylle Cantão Nogueira
BA – David dos Santos Farias
CE – Francisca Valkíria Gomes de Medeiros
DF – Patrícia de Matos Silva
ES – Marcos Coutinho Sant’aguida do Nascimento
GO – Larissa Quinelli
MA – Adão Randerson Barros Lima
MG – Bárbara Evelyn dos Santos Fraga
MS – Flávio Piccoli Neto
MT – Ana Cristina Soares de Almeida
PA – Edu da Silva Costa
PB – Rafael de Souza Mendonça
PE – Palloma Padilha Dantas Ottwil
PR – Luana do Rocio Furlan Marcelo
RJ – Artur Pires de Jesus
RN – Rafael da Silva Cunha
RR – Paola Kessy de Souza Belo
RS – Maicon Prado da Cruz
SC – Anabel Pedroso
SE – Cassiano Santana dos Santos
SP – Bruno Henrique F. Ferrari
TO – Isac dos Santos Maciel

Seleção para o biênio 2012-2014

Data: julho de 2012
Local: Brasília/DF
Representantes estaduais:

AC – Tiago Coelho Nery
AL – Bruno Ferreira de Lima
AM – Victor Matheus de Lima
AP – Kirlany VilhenaSouzaMaia
BA – Bruno Moreno Correia
CE – Íbeny Pereira Moreira
DF – Bruna Campos Coelho Oliveira de Lucas
ES – Ana Clara PetersenCremonini
GO – Gabriel David Macêdo
MA – Erislane Campos da Silva
MG – Gustavo Henrique de Souza Medrado
MS – Letícia Catellan Silva
MT – Vinicius Rodrigues Oliveira Dos Santos
PA – Eliaquim Almeida dos Santos
PB – Lucas de Luna Lima
PE – Rafael Beltrão Urtiga
PI – Amanda Norberto Celestino
PR – Brenda Leticia de Souza Silva
RJ – AlannaChristyne de Oliveira Gonçalves
RN – Ismael Romão dos Santos
RR – Juan Lima Carvalho
RS – Julia Graciela de Borba
SC – Leonardo Manoel Francisco
SE – Camila de Jesus Oliveira
SP – Júlia Santos de Faria
TO – Jurandi Antônio Correia Neto

Seleção para o biênio 2014-2016

A escolha dos representantes da terceira edição do PJM aconteceu na cidade de Gramado/RS, entre os dias 4 e 7 de junho de 2014.

Contou com a presença de 81 estudantes, representantes de escolas públicas de Ensino Médio de todo o país, além de 27 coordenadores estaduais responsáveis pelo projeto em seus estados.

Durante o encontro foram realizados debates e palestras com foco nas temáticas do projeto “O ensino médio que queremos”.

A eleição dos novos representantes contou com a ajuda dos parlamentares de edições anteriores, o que ampliou o debate democrático do projeto.

Data: 4 a 7 de junho de 2014
Local: Gramado/RS
Representantes estaduais:

AC – Clécia Karen Fonseca da Silva
AL – Beatriz Costa da Silva
AM – Estevão Nogueira Batista
AP – Mateus Meireles Evangelista
BA – Ravanna Amorim Santos
CE – Regilene Gomes Guimarães
DF – Gabrielly Gusmãode Oliveira
ES – João Victor Costa da Silva
GO – Guilherme Felipe Costa de Macedo
MA – Brunode SousaNoleto
MG – Allan Weksley Martins Ferreira
MS – Letícia Castro Alves Pinto
MT – Eduarda de Oliveira
PA – Joyce Cristina Moraes de Almeida
PB – João Pinheiro de Melo Neto
PE – Marina Claudino de Oliveira Dias
PI – AlexandreKleydson Alves Mendes
PR – JadsonBraz Ferreira
RJ – Yan Busquet Torres Cardoso Braga
RN – Martins Francisco de Souto Neto
RO – Ricardo Gabriel Santos Sanches
RR – IsysGrazielle Medeiros Souza
RS – Matheus Medeiros de Oliveira
SC – Josué Caleb dos Santos Casas
SE – Cristefer Lima Santana
SP – Raíssa Rodrigues Mendes
TO – Mariana Borges da Silva

Como trabalha o Parlamento Juvenil do MERCOSUL no Brasil?

A participação juvenil no Parlamento do MERCOSUL é uma grande oportunidade para os alunos expressarem suas ideias e anseios a respeito de questões que afetam diretamente suas vidas, no contexto dos temas discutidos no MERCOSUL, com enfoque principal no Ensino Médio.

O objetivo do Parlamento Juvenil do MERCOSUL é garantir a presença e a visibilidade de alunos do ensino médio nesta nova instância de representação e ao mesmo tempo fortalecer dentro das escolas a reflexão e discussão de temáticas de interesse dos jovens.

Esta iniciativa é uma importante contribuição ao processo de construção de cidadania dos jovens brasileiros e dos demais países do MERCOSUL, dando-lhes a oportunidade de exercer plenamente o direito a participação democrática. A participação, portanto, é um direito do cidadão e, desta forma, estes devem ser escutados e suas opiniões levadas em consideração. Além disso, o direito à participação abre portas para a conquista de novos direitos.

A participação dos estudantes no Parlamento Juvenil do MERCOSUL deve ser vista como uma conquista dos jovens brasileiros que lutam, organizam, mobilizam e conquistam novos espaços de participação no dia a dia. Representantes PJM 2014-2016